Você EXECUTA o exercício de Tríceps banco, na sua rotina de treinamento de Tríceps Braquial?
Você sabe qual o POSICIONAMENTO correto dos Joelhos no momento da execução do exercício?

E ainda, será que a forma de posicionar os JOELHOS terá influência no trabalho do Tríceps Braquial durante o exercício?

Hoje no TEF Responde, iremos responder ao seguidor Antonio Marcelo Nogueira, o QUESTIONAMENTO dele foi: Na execução do exercício Tríceps no banco, ao posicionarmos os joelhos em flexão, isso PROPORCIONARIA uma alteração no trabalho das cabeças do Tríceps Braquial?

No momento da execução do exercício de Tríceps no banco, estando o executante com os JOELHOS estendidos ou flexionados, não ocorre alteração no posicionamento da ARTICULAÇÃO GLENOUMERAL e do Cotovelo, ou seja, não ocorrerá MODIFICAÇÕES ANGULARES nessas duas articulações citadas. Desta forma não se tem como modificar o trabalho e o esforço da CABEÇA LATERAL, CABEÇA MEDIAL, e CABEÇA LONGA do Tríceps Braquial, na execução do exercício de Tríceps no banco.
Só ocorrerá modificação no trabalho da cabeça longa do Tríceps Braquial, se posicionarmos DIFERENTEMENTE a ARTICULAÇÃO GLENOUMERAL. Quando executamos o exercício de Tríceps no banco, a movimentação PRODUZIDA é de extensão praticamente máxima do OMBRO, e flexão do OMBRO até o alinhando do Úmero com linha do tronco . Obviamente junto a essa extensão e flexão do OMBRO, teremos o trabalho da articulação do COTOVELO, que trabalhará em flexão e extensão também.
Mas por que estamos descrevendo esse movimento da ARTICULAÇÃO GLENOUMERAL?

Porque a CABEÇA LONGA do Tríceps Braquial, tem ORIGEM abaixo da cavidade Glenoide da Escapula, logo a CABEÇA LONGA DO TRÍCEPS BRAQUIAL irá interagir com a articulação Glenoumeral. No momento da realização do exercício de Tríceps no banco, quando executamos a EXTENSÃO do Ombro, junto com a FLEXÃO do COTOVELO, porém principalmente pela extensão do Ombro, colocaremos a CABEÇA LONGA do Tríceps Braquial em INSUFICIÊNCIA ATIVA, com pouco arco de movimento para trabalhar na extensão do COTOVELO, porque a cabeça longa do Tríceps Braquial já se encontrará “ENCURTADA” em função do movimento de EXTENSÃO do Ombro, restando pouca CAPACIDADE de encurtamento e trabalho para ESTENDER o cotovelo, no exercício de Tríceps no banco.

Por exemplo, no exercício de Tríceps testa aonde o Ombro se encontra em FLEXÃO de aproximadamente 90°, teremos um relativo ALONGAMENTO da cabeça longa do Tríceps Braquial, isso permitirá uma maior CAPACIDADE DE ENCURTAMENTO dessa região do Tríceps Braquial, para trabalhar na extensão do cotovelo. Comparando o exercício de Tríceps no banco, com o exercício de Tríceps testa, teremos uma melhor CONDIÇÃO ANATÔMICA e CINESIOLÓGICA de trabalho da CABEÇA LONGA do Tríceps Braquial no exercício de Tríceps testa.
Então SEGUIDOR se você está com duvida, se o POSICIONAMENTO DOS JOELHOS no exercício de Tríceps no banco, influenciará o trabalho do músculo Tríceps Braquial, NÃO PERCA o TEF Responde de hoje.