Na última vídeo aula na série eletromiografia, observamos que ao realizar uma contração isométrica do reto abdominal ocorria uma contração de magnitude e intensidade similar dos eretores da espinha. Este fenômeno na fisiologia é denominado de co-contração.

Porém, será que está co-contração também ocorre ao executar o exercício de prancha abdominal?

A resposta é não, ou seja, a ativação dos eretores é mínima. Pois como durante o exercício de prancha o indivíduo está posicionado com o corpo horizontalizada em contato com o solo, a força gravitacional age sobre todo o corpo com o intuito de realizar uma hiperextensão da coluna vertebral. Para que isso não venha a ocorrer o reto abdominal assessorado por oblíquo interno e externo serão acionados de forma isométrica para manter a coluna vertebral em posição estática.

Portanto, se os eretores da espinha viessem a contrair de forma intensa, iriam acentuar a tendência de hiperextensão da coluna vertebral. Assim, como não se deseja produzir esse movimento, ocorre a inibição dos mesmos. Desta forma, este cenário justifica a ativação baixa.

Treino_em_foco_prancha_abdominal_eletromiografia_ativação_muscular

Mas, e se o indivíduo mudar a posição de execução da prancha ocorre alguma alteração?

Existem algumas formas de executar o exercício de prancha, entre elas uma que é ao realizar com o contato do antebraço no solo que é denominada de tradicional, e uma outra que é sem ter o contato dos antebraços no solo (imagem abaixo).

Treino_em_foco_prancha_abdominal_eletromiografia_ativação_muscular

Com a mãos no solo, identificamos que a ativação do reto abdominal é menor em relação a execução tradicional. Já a ativação dos eretores da espinha ou coluna mantiveram-se entre as duas variações uma ativação extremamente baixa. Por sua vez, a ativação do latíssimo do dorso é semelhante entre as duas variações do exercício de prancha abdominal.

Assim, pensando do ponto de vista prescritivo para um indivíduo que está iniciando na execução do exercício de prancha abdominal, e portanto pode apresentar um nível de força da musculatura abdominal menor, talvez iniciar com a execução somente com as mãos no solo, poderá ser interessante. Pois com esta variação a ativação muscular foi um pouco menor.