No retorno aos treinamentos  para corrida de aventura e obstáculos é importante realizar treinos com uma carga de esforço menor, buscando recondicionar o praticante.

retorno_treinamentos_corrida_de_aventura_e_obstáculos_treino_em_foco_performance _em_foco

Após um grande período de inatividade em decorrência de um forte gripe o professor Jefferson está retornando aos treinos de preparação para corrida de aventura e obstáculos. No retorno aos treinamentos  para corrida de aventura é obstáculos é importante que se realize sessões de treinos mais leves, ou seja, com um carga de esforço (duração e intensidade) menor. Diante disso a estratégia que o professor Jefferson está utilizado é realizar treinos físicos com bola no futevôlei. Por que realizar treinos no futevôlei? Essa estratégia é interessante pois motivará o praticante a retorno ao treinos físicos. Pois o praticante realizará exercícios que tem por objetivo trabalhar as valências biomotoras de força e potência muscular, com a utilização do implemento bola que traz motivação ao praticante.

O professor Jefferson está realizando também treinos aeróbio buscando recondicionar e melhorar uma das valências biomotoras mais importantes nas corridas de aventura e obstáculos que é a resistência aeróbia.

No vídeo de hoje da série Treino em Foco Performance detalharemos para você seguidor como está sendo o retorno do professor Jefferson após o tempo de afastamento (em virtude de uma forte gripe) aos treinamento visando à preparação para corrida de aventura e obstáculos.

treino_em_foco_retorno_treinamentos_corrida_de_aventura_e_ obstáculos

Como está sendo o retorno aos treinamentos  para corrida de aventura e obstáculos?

No último programa da série Performance em foco apresentamos a justificativa do porque não ocorreram postagens de vídeos nas últimas três semanas. E como apresentado semana passada a justificativa foi porque o professor Jefferson esteve impossibilitado de realizar os treinamentos em virtude de uma forte gripe.

O professor Jefferson retornou aos treinamentos no início de maio, realizando um treinamento de futevôlei na semana. Entretanto, uma pergunta que vocês seguidores podem estar se fazendo é como o treinamento de futevôlei pode auxiliar no retorno aos treinamentos  para corrida de aventura e obstáculos. Um dos motivos para realizar os treinos de futevôlei foi porque o professor Jefferson estava muito tempo inativo, ou seja, a muito tempo sem realizar treinamentos de futevôlei e futebol. Dessa forma, o retorno aos treinamentos para corrida de aventura e obstáculos através da realização de treinos de futevôlei foi uma motivação para trabalhar a parte física do professor Jefferson.

Entretanto, o treino de futevôlei realizado na segunda-feira da semana de retorno aos treinos desenvolveu no professor Jefferson dores musculares de início tardio principalmente em membros inferiores, que durarão até aproximadamente quinta-feira da mesma semana. Essa fato ocorreu em virtude do longo tempo em inatividade que levou-o a um quadro de destreinamento.

corrida_de_aventura_e_obstáculos_treino_em_foco_retorno_treinamento_corrida_de_aventura_abstáculos

Qual foi a carga de esforço do treino de futevôlei no retorno aos treinamentos para corrida de aventura e obstáculos?

Nesse primeiro treinamento realizado com um carga de esforço leve, ou seja, para que o professor Jefferson conseguisse executar o treinamento até o final. Entretanto, como comentado anteriormente mesmo com essas condições de carga de esforço leve ocorreram o desenvolvimento de dores musculares de início tardio principalmente em membros inferiores em virtude da necessidade de uma forte produção de força e potência muscular para desenvolver os deslocamentos necessários no futevôlei.

Diante da presença de fortes dores musculares de início tardio o professor Jefferson voltou a treinar somente na semana seguinte, realizando novamente um treinamento de futevôlei, visando o retorno aos treinamentos para corrida de aventura e obstáculos. Esse segundo treinamento no futevôlei foi realizado com uma carga de esforço maior, com a realização de movimentos mais intensos de ataque e defesa.

Porém, após esse segundo treinamento de futevôlei realizado na segunda –feria o professor Jefferson voltou a sentir dores musculares de início tardio principalmente em membros inferiores, em decorrência do forte deslocamento na areia. Entretanto na quarta-feira da mesma semana do segundo treino de futevôlei voltou a realizar um treino aeróbio.

retorno_treinamentos_corrida_de_aventura_e_obstáculos_treino_em_foco_performance _em_foco

Como foi realizado o treino aeróbio visando o retorno aos treinamentos para corrida de aventura e obstáculos?

O treino aeróbio realizado na quarta –feria da mesma semana do segundo treinamento de futevôlei, foi realizado em um percurso menor, ou seja, em uma distância de 3,8 quilômetros. Agora na sequência apresentaremos para vocês seguidores alguns dados desse treinamento aeróbio realizado visando o retorno aos treinamentos para corrida de aventura e obstáculos.

Esse treinamento aeróbio foi realizado no dia 11/05, aonde o professor Jefferson percorreu uma distância de 3,7 Km (quilômetros) em 20 minutos(mim) e 42 segundos(s) de duração. O professor Jefferson conseguiu percorrer um quilometro em 5 minutos e 32 segundos, sendo que o maior ritmo alcançado por ele (professor Jefferson) no treinamento foi de 4 minutos e 25 segundos por Km.

Durante essa carga d esforço de treinamento aeróbio a frequência cardíaca média foi de 162 batimentos por minuto (bpm). Entretanto, a oscilação da frequência cardíaca foi em torno de 160 a 170 bpm. O professor Jefferson permaneceu 14m20s dentro da zona de 161 a 180 bpm, correspondendo a 69% do tempo de treino aeróbio.

Como o professor Jefferson sentiu-se bem no treino aeróbio da quarta –feira (descrito acima) na sexta-feira dessa mesma semana realizou um novo treinamento aeróbio, desta vez, com um maior percurso, ou seja, percorreu uma distância de 8 Km.

corrida_aventura_e_obstáculos_retorno_treinamento_corrida_de_aventura_e_obstáculos_treino_em_foco

Qual foi o rendimento do professor Jefferson no treino aeróbio de 8Km, visando o retorno aos treinamentos para corrida de aventura e obstáculos?

Quando professor Jefferson vai realizar um treinamento com uma carga de esforço maior (maior distância) realiza um aquecimento ou preparação, executando movimentos de deslocamentos e movimentos articulares. Com isso, visando aumento do fluxo sanguíneo e liberação de liquido sinovial nas articulações.

Durante o início do treinamento o professor Jefferson buscou nos primeiros dois primeiros quilômetros realizar em um ritmo leve e, na sequencia buscou aumentar o ritmo e conseqüentemente aumentando intensidade do treinamento. Agora apresentaremos para vocês seguidores os dados do treinamento aeróbio realizado na última sexta-feira.

corrida_de_aventura_e_obstáculos_treino_em_foco_retorno_treinos_aeróbios

Esse treino aeróbio visando o retorno aos treinamentos para corrida de aventura e obstáculos, foi executado no dia 13/05, com o professor Jefferson percorrendo uma distância de 8,3Km, realizado em 42m e 41s. A cada 5 mim e 10s o professor Jefferson percorreu um quilometro, sendo que o maior ritmo realizado foi quando conseguiu percorrer um quilometro em 3mim e 25 s. Entretanto, devido ao erro do aplicativo de monitoramento do treinamento aeróbio não foi possível registrar o valor da frequência cardíaca.

Como pode ser visualizado na descrição desse segundo treinamento aeróbio visando o retorno aos treinamentos para corrida de aventura e obstáculos foi mais intenso. Ou seja, a distância percorrida e o ritmo de corrida (tempo percorrido por quilometro) foi maior que o primeiro treinamento aeróbio. Ao longo dos próximos treinamento o professor Jefferson buscará monitorar esses dados citados acima, para verificar a evolução dos treinamento visando preparação para corrida de aventura e obstáculos.

treino_aeróbio_treino_em_foco_performance_em_foco_retorno_treinamento_corrida_de_aventura_e_obstáculos

Mas detalhes sobre o segundo treinamento aeróbio você poderá visualizar no vídeo.

Então seguidor, não perca o vídeo de hoje e saiba como está sendo realizado o retorno aos treinamentos para corrida de aventura e obstáculos.