Alguns profissionais de Educação Física somente dão atenção ao aluno da academia caso o mesmo possa vir a ser um possível cliente de personal.

Treino_em_foco_personal_trainer_urubu

Qual a conduta desses profissionais que só dão atenção ao aluno caso o mesmo posso ser um futuro cliente de personal?

Com o crescimento do conhecimento sobre o benefícios da prática de exercícios físicos seja eles resistidos (treinamento de força) ou aeróbios (caminhada, trote ou corrida), muitas pessoas estão ingressando nas academias de ginastica. Diante disso, existem estudos que veem demonstrando que a prática de exercícios com um acompanhamento específicos, ou seja, com personal trainer parece produzir adaptações mais significativas. Isso se dá, em virtude que o profissional de Educação Física que acompanha esse aluno/cliente conseguisse manipular de forma mais minuciosa as cargas de treinamento e com isso a evolução passa a ser mais constante.  Porém, existem alunos que não gostam ou não tem condição, principalmente financeira, de realizar treinamento com personal trainer, ou seja, realizam sua sessão de treino com supervisão do professor de Educação Física que está monitorando a sala de musculação.

Entretanto, infelizmente um cenário que ocorre em algumas academias de ginástica, é que o profissional de Educação Física somente passar a dar atenção ao aluno que possa vir a ser um potencial cliente de personal. Ou seja, existem profissional de Educação Física, e não são poucos, que ao visualizar que o aluno seja, um potencial cliente de personal começa a dar uma atenção especial ao mesmo. Assim, na maioria das vezes passa a acompanhar esse potencial cliente em todos os exercícios, como já se estivesse realizando a sessão personalizada. Por outro lado, passa a esquecer os outros alunos da academia que estão treinando em seu horário, isto é, mal orienta esses alunos. Ainda, muitas vezes, quando esses alunos que não serão seu cliente de personal realizam um questionamento, o profissional responde com má vontade. Para agravar ainda mais a situação, alguns ainda passam a esquecer esse aluno dentro da sala, ou seja, não o monitoram mais e tampouco realizam a análise da ficha de treino do mesmo.

Treino_em_foco_personal_trainer_urubu

Na opinião do Treino em Foco qual a atitude que o profissional de Educação Física (personal trainer) deverá ter durante as suas horas de atuação na sala de musculação?

Na visão do Treino em Foco todos os alunos que estão treinando no horário em que o profissional de Educação Física está monitorando a sala de musculação provavelmente pagam o mesmo valor de mensalidade. Diante disso, o profissional de Educação Física deverá dedicar a atenção a todos de forma igualitária. Ou seja, independente se o aluno será um potencial cliente de personal ou não, o profissional deverá buscar realizar o melhor trabalho com todos os alunos.

Obviamente, existem alunos que necessitarão de uma atenção mais especial, por exemplo, que sofreram alguns tipo de acidente, que apresenta alguma doença crônico degenerativa, doenças crônicas não degenerativas entre outras questões.  Todavia, mesmo nesses casos o profissional deverá a todo momento, como citado acima no texto atender todos ao alunos de forma igualitária, assim atendendo da melhor forma possível as necessidades dos mesmos.

Por fim, o Treino em Foco entende que a melhor forma de vender o serviço de personal trainer é realizando um ótimo trabalho durante a atuação do profissional na sala de musculação. Dessa forma, provavelmente o aluno irá pensar de que se o trabalho do profissional atendendo várias pessoas já é bom, imagina ao realizar um trabalho personalizado com o mesmo. Assim, quando buscar essa forma de atuação provavelmente o aluno entenderá que o profissional estará buscando o melhor para ele (aluno) e não somente pensando em ganhar o seu dinheiro.

Treino_em_foco_personal_trainer_urubu

Seguidores, não percam a vídeo aula de hoje e verifiquem a opinião do Treino em Foco sobre a atuação do personal urubu.