Utilizar um elástico durante a execução do exercício de agachamento é uma das formas de aumentar a intensidade do esforço muscular.

agachamento_treinamento_resistido_elástico_treino_em_foco

Por que ao utilizar um elástico durante a execução do exercício de agachamento livre aumentará o esforço muscular?

Durante a realização do exercício de agachamento livre ocorrerá ao longo de toda a amplitude de movimento alteração na tensão muscular gerada. Esse cenário, acontecerá em virtude da alteração do tamanho dos braços de alavancas produzidos, tanto para a articulação do joelho, quadril e coluna vertebral principalmente a região lombar. Analisando somente a articulação do joelho, pois no exercício de agachamento tem se por objetivo principal trabalhar os extensores do joelho (grupo quadríceps), quando o aluno/cliente estiver no ponto da amplitude de movimento onde a articulação do joelho estará a aproximadamente 90° de flexão, este será o ponto de maior braço de alavanca da resistência, ou seja, será a maior distância perpendicular que forma um ângulo de 90°entre a projeção da resistência e centro articular. Assim, esse será o ponto onde se produzirá o maior torque resistivo e consequentemente o muscular.

agachamento_treinamento_resistido_elástico_treino_em_foco

Além desse ponto angular citado acima (90° de flexão do joelho) para mais ou para menos os braços de alavanca irão reduzir-se e com isso o torque resistivo e muscular também. Diante disso, quando o aluno/cliente está executando a fase concêntrica do movimento, onde realizará a extensão dos joelhos, quadril e flexão plantar, a cada grau ocorrerá uma queda no tamanho do braço de alavanca da resistência e consequentemente no torque resistivo e motor. Essa queda será maior ainda caso o aluno/cliente finalize a fase concêntrica no ponto em que estende completamente o joelho e quadril, pois neste ponto será produzido um braço de alavanca da resistência mínimo. Assim, caracterizando um ponto de descanso. Isto é, no final da fase concêntrica do exercício de agachamento ocorre um ponto de descanso, um forte alívio na tensão muscular.

Entretanto, se o aluno/cliente estiver executando o exercício de agachamento utilizando um elástico acoplado a barra, essa redução da tensão muscular no final da fase concêntrica será reduzido. Isso ocorrerá, em decorrência que o elástico quando o aluno/cliente realizar a fase concêntrica será cada vez mais distendido, e como sabemos o elástico irá “querer” a todo momento voltar a estado de origem, ou seja sem distensão. Assim, quanto mais o aluno/cliente ascender durante a fase concêntrica, maior será distensão e portanto tão forte será a tendência do elástico produzir o movimento de flexão do joelho, quadril e um dorsiflexão.

Dessa forma, no ponto da amplitude do movimento onde o torque resistivo e muscular iriam ter uma redução forte em virtude da diminuição dos braços de alavanca, o elástico produzirá um aumento no torque resistivo e muscular em virtude da sua forte distensão.

agachamento_treinamento_resistido_elástico_treino_em_foco

Para quais alunos/clientes e em que fase da periodização do treinamento poderia ser aplicado o elástico durante a execução do exercício de agachamento?

Ao utilizar o elástico durante a execução do exercício de agachamento produzirá um aumento na tensão muscular, principalmente nos últimos graus da fase concêntrica do movimento. Além disso, é necessário por parte do aluno/cliente um grande domínio da técnica de movimento e também uma ótima coordenação motora. Diante desses aspectos mencionados acima, o Treino em Foco entende que aplicar essa técnica passa a ser interessante para alunos/cliente intermediários ou até mesmo avançados no treinamento. Pois alunos/cliente iniciantes ainda não apresentam uma boa técnica de execução dos exercícios.

Em virtude da aplicação do elástico no treinamento resistido com pesos, ter como principal objetivo aumentar a tensão muscular nos pontos de amplitude do movimento onde ocorreria uma redução em virtude da queda do tamanho dos braços de alavanca, o Treino me foco entende que essa estratégia passa a ser interessante em fase da periodização onde objetiva-se hipertrofia e até mesmo resistência muscular localizada. Ou seja, como para produzir ajustes hipertróficos deve-se buscar produzir um estresse mecânico e metabólico significativo para alcançar um ambiente anabólico, a utilização do elástico passa a ser interessante em algum momento. Pois, como a tensão muscular será mantida, provavelmente o estresse mecânico e metabólico também será maior em comparação a execução sem elástico e permitindo o aluno/cliente entrar em ponto de descanso.

Seguidores, não percam a vídeo aula de hoje e analisem a utilização do elástico no exercício de agachamento livre.