Como realizar a análise cinesiológica vetorial do músculo Deltoide?

Utilizando a estratégia de análise cinesiológica vetorial para analisa o Deltoide, você deverá seguir o mesmo passo a passo, ou seja, seguir a mesma lógica apresentada em outros programas da série, para descrever a ação do Deltoide vetorialmente.

Analisando vetorialmente o Deltoide em uma imagem frontal, teremos o eixo anteroposterior, no qual o Deltoide agirá movimentando o osso Úmero, no plano frontal. Com essa movimentação no plano frontal, obviamente será executado um movimento bem especifico que será descrito na sequência. Então você deverá traçar uma linha pontilhada que representará o eixo longitudinal da peça óssea que de movimentará, a partir dessa representação, você deverá posicionar o vetor resultante do Deltoide agindo sobre a peça óssea Úmero.

Um detalhe importante é que se você observar, as fibras que estão na região mais superior do Deltoide tem um sentido e direção especifico, já em um ponto mais medial do Deltoide suas fibras se encontram mais verticalizadas, porém como foi comentado em vídeo aulas anteriores devemos posicionar o vetor resultante seguindo a direção e o sentido das fibras que se encontram próximas a inserção, da peça óssea que será tracionada quando o Deltoide se contrair.

A partir da colocação do vetor resultante acompanhando o sentido e direção das fibras, no seu ponto de inserção junto ao Úmero, podemos realizar a decomposição vetorial, do vetor resultante de tração.

deltoide_vetor_anpalise_cinesiologia

Como realizar a decomposição vetorial, do vetor resultante de tração do Deltoide, e qual o movimento produzido no plano frontal?

Devemos traçar um componente vetorial paralelo ao eixo longitudinal, e o outro componente vetorial deverá estar posicionado perpendicular ao eixo longitudinal da peça óssea que se movimento, no caso da análise de hoje o Úmero.

Então no plano frontal, notaremos que o componente vetorial que está perpendicularmente ao eixo longitudinal é o que efetivamente produzirá o movimento, ou seja, realiza o movimento rodando o Úmero sobre o eixo anteroposterior, produzindo o movimento de Abdução Glenoumeral ou do Ombro, no plano frontal.

O componente vetorial ou vetor resultante que está paralelo ao eixo longitudinal, impulsionará o Úmero para cima, gerando uma força em algumas circunstâncias de decoaptação da cabeça do Úmero da Cavidade Glenoide. Lembrando sempre que não ocorre só ação do Deltoide, haverá outros músculos que agiram contrapondo-se a esse vetor de coaptador, gerando uma força para baixo e estabilizando a articulação Glenoumeral ou do Ombro.

Então podemos entender que o Deltoide é o principal músculos da Abdução Glenoumeral ou do Ombro.

vetor_deltoide_cineisologia_plano_frontal

Quais exercícios fazer para treinar o músculo Deltoide como um todo?

Exercícios como a elevação lateral com Halteres, e também por exemplo um exercício de Remada em Pé na polia ou com pesos livres, são exercícios que produziram movimentos de Abdução Glenoumeral ou do Ombro, e consequentemente solicitará de forma dinâmica e intensa a musculatura de Deltoide.

 

Qual o vetor resultante do Deltoide Anterior, e qual o movimento produzido pelos seus vetores?

Para realizar a análise cinesiológica vetorial do Deltoide Anterior é preciso uma  visão lateral. È preciso primeiro posicionar totalmente lateralizado o boneco anatômico, na sequencia seguir o passo a passo que foi descrito na primeira vídeo aula da série. Depois  traçar com uma linha pontilhada representando o eixo longitudinal da peça óssea que se movimentará, e ai sim, posicionar o vetor resultante seguindo a direção e o sentido das fibras do Deltoide Anterior, lembrando que o vetor resultante deverá ser posicionado da parte móvel para parte fixa, ou seja, da inserção para a origem.

Agora a partir do conhecimento do eixo longitudinal de peça óssea que de moverá, que é o Úmero, conhecendo o eixo laterolateral do Ombro, e o posicionamento do vetor resultante do Deltoide Anterior, poderemos decompor o vetor resultante de tração, para identificar os movimentos produzidos pelo Deltoide Anterior.

vetor_deltoide_anterior_ação

Quais os movimentos produzidos, ou ação muscular produzida pelo Deltoide Anterior?

Para identificar os movimentos produzidos pelo Deltoide Anterior, devemos decompor o vetor resultante de tração. Então um componente vetorial deverá ser posicionado paralelamente ao eixo longitudinal do Úmero, e o outro componente vetorial deverá estar posicionado perpendicularmente ao eixo longitudinal. Lembrando sempre, que você deverá sempre alinhar as ponto dos vetores.

A partir disso, poderemos identificar que o vetor que esta paralelo ao eixo longitudinal, tem uma magnitude maior, que impulsiona a cabeça do Úmero para cima, gerando uma certa desestabilização na articulação glenoumeral, lembrando que outros músculos atuaram isometricamente para estabilizar essa articulação. Já o vetor que está perpendicular ao eixo longitudinal, gerará um torque de movimento na Articulação Glenoumeral ou do Ombro, no seu eixo laterolateral, no plano sagital, e o movimento de flexão do Ombro.

Então o Deltoide Anterior tem a capacidade quando se contrai de produzir uma flexão do Ombro.

vetor_resultante_deltoide_anterior_ciensiologia

Qual o posicionamento vetor resultante de tração do Deltoide Posterior?

 

Analisando agora o Deltoide Posterior, aonde para essa análise deveremos posicionar novamente o boneco anatomia num plano lateral, na sequencia posicionar a linha pontilhada que representará o eixo longitudinal da peça óssea que irá se mover, que no caso é o Úmero, marcando também o eixo laterolateral do Ombro. A partir dos passos descrito você poderá traçar o vetor resultante de tração do Deltoide Posterior, que deverá seguir a direção e o sentidos das fibras do ponto de conexão com Úmero.

Notaremos que o vetor resultante do Deltoide Posterior, tem uma direção e sentido diferente do vetor resultante de tração do Deltoide Anterior.

Então agora podemos realizar a decomposição vetorial, do vetor resultante de tração do Deltoide Posterior.

deltoide_posterior_cinesiologia_vetor

Como realizar a decomposição vetorial do Deltoide Posterior, e quais os movimentos que realiza?

Um componente vetorial deverá estar posicionado paralelo ao eixo longitudinal da peça óssea, e o outro componente vetorial deverá estar perpendicular ao eixo longitudinal. O componente vetorial perpendicular ao eixo longitudinal, através do eixo laterolateral produz uma força que será capaz de produzir um movimento rotatório no Úmero, chamado de extensão do Ombro. Então podemos entender que o Deltoide Anterior é um flexor do Ombro, e já o Deltoide Posterior produz a extensão do Ombro.

Já o componente vetorial paralelo ao eixo longitudinal, continua produzindo um movimento que impulsiona o Úmero para cima, produzindo uma tendência de decoaptação da Articulação Glenoumeral ou do Ombro, porém outros músculos agindo isometricamente agem contra essa tendência de decoaptação da Articulação, gerando uma estabilização articular.

deltoide_posterior_vetor_resultante

 

Então seguidor, não perca vídeo aula de hoje, e tire todas as suas dúvidas da ação vetorial e muscular do músculo Deltoide.