Como fazer Ponto Zero?

Please log in or register to like posts.
Vídeo

Como se aplica o ponto zero?

O ponto zero pode ser classificado como um protocolo para intensificar o esforço dentro de uma série. Este pode ser aplicado em vários exercícios, no entanto, parece ter uma melhor condução em exercícios monoarticulares.

Em termos gerais este se caracteriza pela realização de uma pausa de 1-5s no final da fase excêntrica. Ou seja, no final desta fase o executante permanece com uma contração isométrica por este período, e após realiza a fase concêntrica. Um ponto importante a salientar é que esta estratégia foi apresentada nas redes sócias pelo fisiculturista Fernando Sardinha.

Qual a lógica fisiológica do ponto zero?

No momento em que o músculo alonga sob tensão (fase excêntrica), os componentes passivos da celular muscular acumulam energia elástica em virtude deste alongamento. Assim, se caso o indivíduo logo trocar o sentido do movimento e realizar a fase concêntrica, esta energia elástica será transformada em cinética e consequentemente auxiliará os sarcomeros para vencer a resistência imposta.

Por outro lado, se no final desta fase o indivíduo realiza uma pequena pausa, que é o ponto zero, esta energia elástica e transformada ou dissipada em calor, portanto, não auxiliando os sarcomeros para vencer a resistência. Assim, a intensidade de esforço dentro da série ficará maior.

Para quem é melhor aplicar essa estratégia?

Entendemos por ser uma estratégia que produz uma maior intensidade de esforço dentro da série seria passível de ser aplicada com segurança para indivíduos já comum certo grau de experiência no exercício. Outro ponto importante a salientar é que essa estratégia também proporciona um aumento no tempo sob tensão, assim, para indivíduos que apresentam alguma fragilidade cardiovascular talvez não se interessante, tendo em vista a relação dependente entre tempo só tensão e resposta cardiovascular aguda.

Por fim, talvez aplicar em exercícios monoarticulares em um primeiro momento poderá facilitar a aplicação do mesmo.

Alunos, analisem a vídeo aula!!!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *