Hoje o nosso colunista Jeovani Peripolli apresenta um excelente texto sobre o exercício físico durante a gestação.

Acompanhe o texto.

 

Exercícios Físicos na Gravidez: benefícios.

 A vinda de um bebê é um momento de muita felicidade para os pais e para toda a família. Nesta fase, principalmente para quem está sendo mãe pela primeira vez, a simples descoberta já traz um turbilhão de emoções inexplicáveis acompanhado de dúvidas e incertezas.
Atualmente, com o avanço da ciência e a grande procura de informações pela população está sendo possível desmistificar grandes questões sobre exercícios físicos na gravidez. Estudos científicos reforçam que programas de exercícios físicos feitos de forma moderada podem aumentar a capacidade funcional da placenta, aumentando a distribuição de nutrientes e assim o crescimento fetal.
Existem ainda outros benefícios a considerar, como a prevenção do excesso de peso e das dores lombares, manutenção da forma física e postura, prevenção da intolerância à glicose, melhor adaptação psicológica às alterações da gravidez e diminuição do diabetes gestacional do risco da gestante desenvolver hipertensão.
A atividade física na gestação também diminui desconfortos físicos, como dores nas costas, prisão de ventre, fadiga e inchaço, além de ajudar a manter seu humor mais estável, sua autoestima e seu sono em dia.
Aconselha-se que as mulheres grávidas realizem exercícios físicos regulares. O exercício deve ser realizado em temperaturas amenas, usando roupas confortáveis, ingerindo líquido frequentemente para manter a hidratação. Deve-se evitar exercício de impacto, que possam causar traumatismo abdominal ou queda ou que realizem manobra de valsalva (bloqueio da respiração).
Eventualmente ocorre a restrição para as mães para realizar exercícios físicos. Isso é determinado pelo médico obstetra em caso de risco de abortamento.
Na ausência de contraindicações as mulheres grávidas devem ser estimuladas a realizar exercício físico regular para obtenção de benefícios para a sua saúde e saúde do bebê.
Na próxima coluna vou escrever sobre um programa de exercícios para gestantes e o objetivo de cada atividade.
Lembre-se: Gravidez não é doença, por isso, salvo restrições médicas, a mãe pode ter uma rotina normal de exercícios físicos diários.

 Jeovani Peripolli

Personal Trainer – Prof. Ed. Física CREF 008821-G/RS
Tel. (55) 9602.2648 – www.movimentacao.org