Exercício físico é o mesmo que atividade física?

Please log in or register to like posts.

Texto produzido pelo Prof. Dr. João Moura

      Vejo em diferentes mídias as pessoas usando os termos EXERCÍCIO FÍSICO e ATIVIDADE FÍSICA como sinônimos, porém na verdade não os são. No meio acadêmico temos conceitos diferentes para esses dois termos que buscam expressar condições de movimentação corporal distintas do ponto de vista conceitual e prático. O texto que desenvolvo a seguir busca esclarecer essa questão à todos os profissionais de saúde bem como a população em geral.

                Atividade física por definição é todo e qualquer movimento corporal humano que produza gasto calórico acima dos níveis de repouso. Assim, diversas atividades motoras passam a ser ATIVIDADE FÍSICA, tais como:

– lavar um carro; – secar um cabelo após o banho (o próprio movimento do banho já passa a ser atividade física); – varrer a casa, – caminhar até a parada de ônibus, – brincar como o cachorro, – brincar na praça com o filho pequeno, – lavar o carro, – atividades de jardinagem, – ir a um mercado perto ou longe de casa a pé, – buscar a pé os filhos na escola, – subir andares de escada da garagem do prédio até o andar onde reside, – subir escadas, etc.

Vejam bem, todas as atividades motoras descritas acima apresentam gasto calórico acima dos níveis de repouso… portanto, são atividades físicas, correto? Mas posso citar outras por exemplo:

– correr, – musculação, – fazer abdominais, – praticar aulas de ginástica, – treinar voleibol/futebol/handebol etc., nadar, treinar lutas, entre tantos outros esportes também se enquadram como atividade física, pois geram gasto calórico acima dos níveis de repouso.

      Desta forma, você pode concluir que atividade física em si é qualquer movimento corporal humano que produza um gasto calórico acima de repouso podendo ser ele esportivo ou não, de um atleta ou de um sedentário cortando grama, por exemplo. Basta movimentarmos e estaremos produzindo atividades físicas que podem ser de grande intensidade (por exemplo, correr para pegar um ônibus que já esta saindo do terminal) ou de baixa intensidade (por exemplo, varrer a casa).

      Pois bem, o que então diferencia a ATIVIDADE FÍSICA do EXERCÍCIO FÍSICO?

     O exercício físico também é produzido por contração muscular similar ao que ocorre na atividade física, também gera gasto calórico acima dos níveis de repouso, similar à atividade física, porém apresenta um diferencial importantíssimo… é intencionalizado para a exercitação do corpo, condicionamento físico e/ou bem estar.

Vou explicar melhor.

      Minha mãe (dona Terezinha) sai da sua casa para ir até o centro da cidade a pé (já que reside em um bairro próximo ao comércio, onde deseja comprar uma bolsa) e leva aproximadamente 25 minutos. Nesta caminhada de 25 minutos encontra amigas e para, conversa sobre as novelas, sobre filhos, sobre o clima, sobre as dores e doenças da idade, encontra familiares e conversa sobre sobrinho, netos, etc., também para em frente as vitrines de várias lojas para ver as “novidades femininas”. Quando volta da loja (contente com sua bolsa nova) ela novamente encontra amigos(as) e vizinhos parando para conversar com estes. Como mora no Rio Grande do Sul não dispensa um chimarrão oferecido por vizinhos onde também aproveita para um bom bate papo. Minha mãe nesse deslocamento até o centro da cidade somado ao retorno a sua residência andou em torno de 6 km, usou um dos seus melhores vestidos e calçado com salto alto já que a mesma é muito vaidosa, parou várias vezes para conversar, tomar chimarrão e ver vitrines.

      Pergunto: ela teve um gasto calórico acima dos níveis de repouso? Ela gerou contração muscular?

     Claro que sim! Bem, então ela fez uma atividade física de caminhada (ida e volta ao centro da cidade) com a intenção de comprar uma bolsa nova, atividade motora esta que gerou certo gasto calórico e trabalho muscular.

    Pois bem, minha mãe agora calça o seu tênis de caminhada com absorção de impacto e ainda usa calcanheira de silicone para amenizar ainda mais o impacto no retropé já que tem uma hérnia de disco. Usa uma meia bem ajustada ao pé e ao tênis para não gerar calos, coloca uma calça leg pois acha extremamente confortável para caminhada, e usa uma camisa de boa evaporação do suor e de cor clara para não absorver muito os raios solares. Além disso, alonga antes de iniciar a caminhada, principalmente membros inferiores. Sai para caminhar em uma velocidade (intensidade) mais baixa no início para, progressivamente, ir aumentando o “ritmo” da caminhada. Quando encontra as amigas não para conversar pois sabe que a frequência cardíaca deve ser mantida elevada durante todo o tempo do trabalho físico. Também não interrompe a caminhada para ver vitrines ou tomar chimarrão. Ao voltar, aproximando-se de casa, começa a diminuir a intensidade (“ritmo” como ela mesma gosta de denominar), ao chegar novamente alonga relaxando bem a musculatura e tomando cuidado com a técnica dos exercícios de alongamento.

    O trajeto executado pela minha mãe é exatamente o mesmo feito quando da compra de sua bolsa nova. Pergunto: Ela realizou uma atividade física? Ela realizou um exercício físico?

    Ela gerou gasto calórico acima dos níveis de repouso nesta caminhada bem como trabalho muscular, assim o movimento corporal foi uma forma de atividade física. Porém, o que você deve perceber agora é de que ela teve a intenção de exercitar-se e para tal seguiu vários protocolos para adequar-se a atividade motora, como: roupa e calçado adequado, alongamento pré e pós caminhada, sem pausas durante a atividade para manter elevada a frequência cardíaca, e, principalmente, teve A INTENÇÃO DE EXERCITAR-SE. Portanto, ela nestas segunda situação, realizou uma forma de atividade física bem específica com uma intenção bem clara que confere a esta a configuração de EXERCÍCIO FÍSICO.

     Você deve lembrar que o exercício físico é uma forma de atividade física na qual o indivíduo que o pratica tem a intenção (objetivo/meta/propósito) de exercitar-se, de produzir um momento competitivo (particularmente nos esporte) ou ainda de bem estar.

    Veja bem, a caminhada além da finalidade de exercitar-se também teve uma organização prévia (roupa adequada) uma metodologia/protocolo de execução (alongamentos e caminhada sem pausas) o exercício físico tem uma estrutura de execução diferente da atividade física e é, justamente esta estrutura de execução e intenção de realização, que o da atividade física.

Portanto, não confunda mais. E lembre-se:

Todo exercício físico é uma atividade física mas nem toda atividade física é um exercício físico!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *