O que é Vo2?

A sigla Vo2 representa uma medida da capacidade do indivíduo absorver, transportar e utilizar oxigênio para a produção de energia. Desta forma, Vo2máx proporciona uma medida quantitativa da capacidade do indivíduo em ressintetizar aerobicamente a molécula de ATP. Assim, isto o torna um importante indicador de como uma indivíduo consegue manter uma atividade intensa por um determinado tempo.

Um Vo2máx alto requer a resposta integrada e de alto nível de diversos sistemas de apoio fisiológico (ventilação pulmonar, concertação de hemoglobina, volume sanguíneo e débito cardíaco, fluxo sanguíneo periférico e capacidade metabólica celular). No entanto, é comum ouvir os profissionais de educação física tratando a capacidade máxima aeróbio do indivíduo como Vo2máx ou Vo2pico. Mas a literatura demonstra que as duas medidas não verdade não são a mesma coisa.

Qual a diferença entre Vo2máx e Vo2pico?

Para conseguir entender essa diferença, vamos imaginar um teste ergoespirométrico em esteira. Neste teste a cada minuto ocorre um aumento da carga de esforço. Ou seja dependendo do protocolo em que o avaliador, que poderá ser um cardiologista, a cada minuto ocorrerá um aumento da velocidade e inclinação, ou somente da velocidade ou ainda somente da inclinação da esteira. Essa modificação crescente na carga de esforço, fará com que o consumo de oxigênio do indivíduo, isto é Vo2 aumente a cada minuto de teste.

Assim, quando o teste é observado em um gráfico, pode-se notar uma curva ascendente a cada minuto. No entanto, em um determinado momento do teste, esta curva passará a ser tonar horizontal. Isto é, mesmo o avaliador aumentando a carga o consumo de oxigênio (Vo2) não irá mais aumentar. Assim, de uma minuto para o outro o consumo de oxigênio ficou o mesmo, apresentando um platô. Dessa forma, neste ponto em que o avaliador aumenta a carga e mesmo assim o consumo de oxigênio não aumenta, pode-se entender que atingiu-se o VO2máx.

No entanto, na maioria dos teste ergoespirométricos quando o indivíduo atingi um determinada carga e não consegue-se sustentar o avaliador terá que encerrar o teste. Desta maneira, logo em seguida, os valores de frequência cardíaca começaram a cair. Assim, no valor de Vo2 que foi atingido no momento em que se encerrou o teste será denominado de Vo2pico e não Vo2máx. Porque como citado acima no texto, para garantir que o indivíduo atingiu o Vo2máx é necessário que se aumenta a carga e o Vo2 venha a apresentar um platô mesmo com o acréscimo de carga. Dessa forma, na maioria dos teste ergoespirométricos se obtêm o Vo2pico e não máximo.

Seguidores, não percam a vídeo aula