O que é o exercício de Puxada no Graviton?

O exercício de Puxada no Graviton nos permite executar movimentos similares a outros exercícios do treinamento resistido com pesos (TRP), ou musculação. Dentre esses exercícios um dos que pode ser simulado no Graviton, é o exercício de puxada na polia alta com a barra.

Para executar a Puxada no Graviton, que é um exercício para costas, o executante deverá se manter ereto, e totalmente verticalizada, mantendo as curvaturas naturais e fisiológicas da coluna vertebral. Os joelhos ficaram apoiados sobre o banco do Graviton, então simulado o exercício de Barra Fixa, ou o exercício de puxada na polia alta com barra.

graviton_análise_cineisologica

Quais as articulações dinamicamente envolvidas no exercício Graviton?

Durante a execução da Puxada no Graviton, notaremos claramente que existe um trabalho dinâmico da articulação Glenoumeral ou do Ombro, da Articulação do cotovelo, cintura Escapular, e também, a articulação do punho de forma estática.

 

Quando ocorre a fase excêntrica no exercício de Puxada no Graviton, o executante estará realizando uma Abdução Glenoumeral, uma extensão do cotovelo, juntamente com uma rotação externa ou lateral da Escápulas. Já na fase concêntrica do movimento, aonde será necessário a produção de maior força pelo executante, ocorre os movimentos de: Adução Glenoumeral, flexão dos cotovelos, e uma rotação medial e interna da Escapulas, que apoiará o posicionamento da cabeça do Úmero sobre a fossa glenoidal.

excentrica_graviton_costas

Quais os músculos envolvidos e trabalhados, no exercício de Puxada no Graviton?

Como na fase concêntrica do exercícios Graviton, o executante estará Aduzindo o Ombro, flexionando o Cotovelo, e rodando medialmente as Escápulas, todos esses movimentos contra resistência, devemos agora analisar quais músculos estão trabalhando nesses movimentos na fase concêntrica.

No cotovelo como está ocorrendo uma flexão do cotovelo, os músculos flexores do cotovelo estarão atuando. Devido a posição da mão pronada do executante, podemos entender que ocorre trabalho do Bíceps Braquial, Braquial e Braquiorradial, atuando de forma dinâmica para produzir a flexão do cotovelo, em sinergismo com os músculos que produzem a Adução Glenoumeral ou do Ombro.

Dessa forma na fase concêntrica ocorre também um trabalho forte do músculos Latíssimo do Dorso, pois ele é o principal Adutor glenoumeral ou do Ombro. Redondo Maior também é um músculos que atuará fortemente na Adução Glenoumeral no exercício Graviton, pois atua em sinergismo com o Latíssimo do Dorso para produzir a Adução Glenoumeral ou do Ombro contra a resistência.

graviton_análise_cineisologica

Agora imaginando e analisando frontalmente, as fibras inferiores do Peitoral Maior também tem atuação, pois o Peitoral Maior nas suas fibras inferiores trabalham para Aduzir o Ombro. Já o Peitoral Menor atua para realizar rotação medial das Escápulas. Na rotação medial da escápulas, também ocorre trabalho do músculos Romboides, pois são fortes rotadores mediais das escápulas, o músculo Elevador da Escápulas também atua, pois é um forte rotador medial das escápulas, e como descrito anteriormente Peitoral Menor também participa na rotação medial das Escápulas.

A musculatura de Trapézio também a tua para mante o posicionamento escapular, em elevação e depressão, apenas permitindo a rotação medial das Escápulas. Também ocorre um trabalho dos músculos do CORE, e músculos Eretores da coluna tem uma participação isométrica estabilizadora pequeno, pois o executante se encontra com os membros inferiores apoiado no banco do Graviton, mas existe a participação desses músculos para estabilizar o corpo do executante.

 

concentrica_graviton_costas

Quais as características importantes do exercício de Puxada no Graviton, para o treinamento?

Pensando agora na interpretação do exercício de Puxada no Graviton  para o treinamento, devemos entender algumas características importantes: Primeiro o exercício de Puxada ano Graviton simula movimento de outros exercícios, como puxada alta na barra e o exercício de Barra fixa.

No exercício de Puxada no Graviton pode-se alterar a carga par ao treinamento de exercícios que seriam feitos com carga corpórea, ou seja, imaginemos que temos um cliente, que busca aumentar sua capacidade de executar o exercício de Barra Fixa, pois ele não consegue executar com uma técnica adequada. Umas das estratégias para melhorar e capacitar o seu cliente a executar o exercício de Barra fixa, é utilizar o exercício de Puxada ano Graviton, simulando o movimento de puxada na barra, ou de Barra fixa, no Graviton, você capacitará o seu cliente para futuramente executar a Barra fixa.

Já se seu cliente não consegue realizar o exercício de mergulho na barra, uma estratégia para desenvolver a capacidade de execução no mergulho na barra, é utilizar e desenvolver o exercício de Mergulho na barra no Graviton, pois você conseguir adequar a quilagem para o o exercício, e com isso condicionando-o para executar o mergulho na barra de forma mais eficiente.

mergulho_graviton_costas

Outra característica importante do Exercício de Graviton para o treinamento, é que permite uma ótima forma de verificar e corrigir imperfeições do movimento, ou seja, detalhes que não estão correto no movimento são mais fáceis de serem visualizados no Graviton. Dessa forma o exercício de Puxada no Graviton, permite um ajuste progressivo a quilagem e, conseqüentemente do esforço de treino, preparando para exercícios mais intensos no TRC ou treinamento resistido corporal, como o exercício de Barra Fixa, pois nesse exercício é utilizado o peso corporal para treinamento.

 

Então seguidor, não perca o Análise de Exercício de hoje, e tire todas as suas dúvidas sobre o exercício Graviton, e conheça os benefícios e como usar o Graviton.